Início » Cerca de dois mil alunos da rede municipal de educação de Catalão assistem à peça “O Mundo Sem Escolas”

Cerca de dois mil alunos da rede municipal de educação de Catalão assistem à peça “O Mundo Sem Escolas”

de Antônio Paulino
7422 visitas

Nesta segunda-feira, 27, o grupo D´color Produções Culturais, de Campinas (SP), encerrou uma “tournée” cultural por seis escolas do município de Catalão. Do dia 20 ao dia 27/05, um ator contador de histórias e seus diversos personagens apresentaram, nos turnos matutino e vespertino, “O mundo sem escolas”, peça teatral vista nesse período por cerca de 2 mil alunos da Rede Municipal de Ensino.

Baseado na obra da escritora Simara Bittar, a peça mostrou a importância da escola na vida dessas crianças e adolescentes não apenas como espaço de conhecimento, mas também como lugar de convívio social, de conexão com colegas, de prática de esportes, de identificação e aceitação das diferentes culturas.

Desta forma, o contador de histórias apresentou personagens constituídos por um grupo de crianças que não gosta de ir à escola e que, com ajuda de um amigo inventor, conseguiu sumir com elas. Enquanto ainda comemoram o feito, elas começam a perceber os malefícios causados pela decisão. Arrependido, o grupo se une com a intenção de reverter o processo e, ao conseguir, percebe o quanto a escola é importante em suas vidas.

Para tornar a proposta mais assertiva, a trupe distribuiu um livro com linguagem didática e atrativa para as bibliotecas das escolas e ainda disponibilizou o desenho do espetáculo no canal da produtora no Youtube. Viabilizado pelo Ministério da Cultura através da Lei Rouanet, o projeto teve o patrocínio da John Deere, montadora de máquinas agrícolas parceira da Educação municipal.

Assistiram ao espetáculo os alunos das escolas municipais José Sebba, Cristina de Cássia, CAIC, Antônio Pinheiro, Gleice Martins do Nascimento e Patotinha. “Além de mostrar a importância da escola, a peça também expôs a cultura do teatro. Muito rica a apresentação”, avaliou a diretora do CAIC, Fátima Safatle.

0 comentario
0

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário