Início » Em Itumbiara, motorista de aplicativo tem carro roubado e o pescoço cortado por suposto passageiro

Em Itumbiara, motorista de aplicativo tem carro roubado e o pescoço cortado por suposto passageiro

de Antônio Paulino
1571 visitas

Um jovem de 22 anos foi preso nesta segunda-feira, 25, suspeito de tentar matar um motorista de aplicativo durante um assalto em Itumbiara. A vítima, conforme a Polícia Civil (PC), teve o pescoço cortado e, em seguida, foi estrangulada até desmaiar pelo falso passageiro. 

O motorista foi atraído pelo suspeito por meio de uma solicitação de corrida. O trajeto começou em uma rede atacadista da cidade, mas ao chegar no destino, o jovem pediu para que a vítima o aguardasse para que ele pudesse voltar ao ponto de partida.

Segundo a PC, a vítima atendeu o pedido do então cliente até que, passados alguns minutos, o jovem voltou e anunciou o assalto usando uma faca. O suspeito teria ordenando que o motorista conduzisse o veículo sentido à rodovia.

Durante o trajeto, o condutor foi obrigado a parar em um local erma, momento em que foi agredido e esfaqueado. Um dos golpes atingiu o pescoço da vítima, que também foi estrangulada até perder a consciência.

Agressão e roubo

A vítima informou à corporação que quando acordou, já toda ensanguentada, verificou que o carro havia sido roubado, assim como os pertences. Ao tomar conhecimento do caso, a PC identificou que o jovem havia chegado ao local onde solicitou a corrida de moto. 

Por meio do veículo foi possível chegar até o suspeito, que estava escondido em uma casa no Bairro Buritis 3. Na residência foi encontrada a motocicleta, assim como as roupas usadas por ele no crime e a carteira do motorista. 

O carro roubado e os demais pertences da vítima também foram recuperados. O jovem foi autuado em flagrante por tentativa de latrocínio, cuja pena pode chegar a 18 anos de reclusão. Após os procedimentos legais, o autor foi recolhido ao presídio local, onde permanece à disposição do Poder Judiciário.

0 comentario
0

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário