Início » Equatorial Goiás inicia construção de usina fotovoltaica no prédio do Ipasgo Saúde

Equatorial Goiás inicia construção de usina fotovoltaica no prédio do Ipasgo Saúde

de Antônio Paulino
348 visitas

A Equatorial Goiás está investindo R$ 653 mil em obra de eficiência energética na sede do Ipasgo Saúde, em Goiânia. O projeto prevê a substituição de cerca de 570 luminárias por iluminação de LED, mais econômica, eficiente e duram até 10 vezes mais que a convencional, e a construção de uma usina fotovoltaica de 80 Kwp, com 170 placas. Durante este ano de 2023, a distribuidora de energia vai investir cerca de R$ 10 milhões em 13 obras como essa em todo o Estado. 

A obra teve início neste mês e tem previsão de término no final do ano. O responsável pelo projeto de eficiência energética na Equatorial Goiás, Adriano Faria, explica que o projeto garantirá uma economia expressiva na conta de energia do órgão estadual. “A previsão é de aproximadamente 300 MWh/ ano, que seria suficiente, por exemplo, para abastecer em torno de 155 residências por um ano. Em reais, isso representa uma economia na conta de luz de aproximadamente R$ 120 mil anualmente.”  

Investimento em eficiência 

Em abril a Equatorial Goiás entregou sua primeira obra de eficiência energética no Estado, no prédio da Receita Federal, em Goiânia, onde foram investidos cerca de R$ 860 mil na troca de mais de 5 mil lâmpadas e luminárias, além da troca de seis equipamentos de ar-condicionado e a implementação de um sistema de geração fotovoltaico com 156 módulos.  

No mesmo mês a distribuidora inaugurou a obra do Comando de Operações Especiais (Copesp), com investimento de R$ 1,2 milhão na substituição de mais de 5 mil lâmpadas e 46 equipamentos de ar condicionado, além de instalação de usina fotovoltaica.  

Também no primeiro semestre foram entregues os projetos de iluminação pública das prefeituras de Águas Lindas, Cidade Ocidental, Cumari, Itumbiara e Novo Gama. Juntas, as sete obras já entregues pela empresa de janeiro a junho de 2023 somam em torno de R$ 5,7 milhões. 

Projetos futuros 

Para este ano ainda está prevista a conclusão de uma usina fotovoltaica na sede da Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural, e Pesquisa Agropecuária (Emater), a troca de luminárias nas cidades de Goiânia, Ipameri, Luziânia e Rio Verde e o projeto do Ipasgo, totalizando um investimento de R$ 4,1 milhões no segundo semestre. 

As 13 obras que serão entregues este ano pela Equatorial Goiás somarão investimentos de R$ 9,8 milhões e representarão 7.050 MWh/ano de economia de energia, o que significa R$ 4,3 milhões de economia nas contas de energia das Prefeituras e instituições beneficiadas. 
 

Os projetos são financiados com recursos do Programa de Eficiência Energética (PEE), da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), e são selecionados em chamada pública para financiamento de projetos com foco no consumo eficiente de energia elétrica. A Equatorial Goiás prevê abrir um novo edital neste segundo semestre. 

Sobre a Equatorial Goiás  

A Equatorial Goiás é uma empresa que pertence à holding Equatorial Energia, 3º maior grupo de distribuição de energia do País, com 7 concessionárias que atendem cerca de 13 milhões de clientes. Somente em Goiás são mais de 3 milhões de clientes, localizados em 237 municípios do Estado e abrangendo 98,7% do território estadual, com cobertura de uma área de 336.871 km². 

0 comentario
0

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário