Início » Vereador de Rio Verde que morreu atropelado quando caminhava rumo a Trindade para participar de romaria pagava promessa por ter se curado do câncer

Vereador de Rio Verde que morreu atropelado quando caminhava rumo a Trindade para participar de romaria pagava promessa por ter se curado do câncer

de Antônio Paulino
13719 visitas

O vereador Geraldo Neto Almeida (PDT), que morreu atropelado enquanto caminhava com destino à Festa do Divino Pai Eterno, fazia o percurso como forma de agradecer por ter sido curado de um câncer, segundo a família disse à TV Anhanguera durante o velório. O vereador caminhava de Rio Verde, onde exercia mandato, rumo a Trindade, na Região Metropolitana de Goiânia.

O acidente aconteceu no sábado (6). Geraldo Neto Almeida, que era conhecido como Geraldo Neto do Povo, descobriu o câncer no estômago há quatro anos. Ele deixa dois filhos.

vereador postou um vídeo nas redes sociais minutos antes de morrer. “Obrigado por colocar a gente nas orações de vocês. Fácil não está. É muito difícil, mas o Divino Pai Eterno está esperando a gente lá“, disse o Geraldo no vídeo.

De acordo com informações da PM, o veículo que atropelou o vereador invadiu o acostamento e acertou Geraldo Neto. O motorista do veículo fugiu sem prestar socorro, mas depois se apresentou na delegacia de Guapó e alegou que o sol atrapalhou a visão dele.

Como o nome do suspeito não foi divulgado, o g1 não localizou a defesa dele para se posicionar até a última atualização da reportagem.

Em um vídeo divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), é possível ver partes do para-choque do veículo que atropelou o vereador. A PRF afirmou ainda que o vereador caminhava com dois amigos. Os outros homens não se feriram.

0 comentario
0

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário