INFRAESTRUTURA-NOVO
Início » Uma mulher foi presa por extorquir a família em R$ 15 mil, após simular que havia sido sequestrada por traficantes, em Jaraguá

Uma mulher foi presa por extorquir a família em R$ 15 mil, após simular que havia sido sequestrada por traficantes, em Jaraguá

de Antônio Paulino
1837 visitas

Segundo o delegado Glênio Ricardo, a suspeita tinha como objetivo passar o dinheiro para uma mulher que havia prometido “devolver o amor da vida dela” por meio de trabalhos espirituais. 

A prisão da mulher, que não teve o nome divulgado, aconteceu na última segunda-feira, 5, momentos depois da família informar à polícia sobre o sequestro. A mãe contou à corporação que a filha tinha saído para o trabalho cedo e, horas depois, mandou uma mensagem do próprio celular dizendo ter sido sequestrada por criminosos.

Ela disse que eles queriam como resgate o valor de R$ 3,5 mil e, se a família não conseguisse o dinheiro, a vítima seria morta. A polícia começou as investigações, mas depois de conversar com a família, começamos a duvidar desta suposta vítima”, explicou o delegado.

Simulação 

Glênio afirmou que antes de simular o falso sequestro, a mulher já havia pedido dinheiro emprestado para a família com a justificativa de que precisava pagar os traficantes que teriam a sequestrado. O fato gerou dúvidas enquanto a veracidade do crime.

Entretanto, neste momento da investigação, os familiares da mulher já haviam passado mais de R$ 15 mil, que haviam pegado emprestado com conhecidos. Ao descobrir a farsa, conforme o delegado, a suspeita confessou que não foi sequestrada e que já tinha pago um total de R$ 11 mil para a pessoa que prometeu “devolver” o amor da vida dela, mas que ainda faltava parte do valor a ser repassado.

“Ela já tinha repassado R$ 11 mil, mas ela pediu mais R$ 3,5 mil. Para tentar mais esse dinheiro com os familiares, ela simulou o sequestro”, disse Glênio.

Crime

A mulher foi presa pelo crime de extorsão na casa da avó, que não tinha conhecimento do crime, e está à disposição da Justiça. Segundo a polícia, a investigação continua para tentar confirmar o que a suspeita disse quanto ao repasse do dinheiro.

0 comentario
0

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário