Início » Prefeitura de Catalão viabiliza tratamento na área de neuropediatria para autistas

Prefeitura de Catalão viabiliza tratamento na área de neuropediatria para autistas

de Antônio Paulino
7155 visitas

Os moradores de Catalão que têm filhos com Transtorno do Espectro Autista (TEA),  –  alterações físicas e funcionais do cérebro relacionadas ao desenvolvimento motor, da linguagem e comportamental – comemoraram, nesta sexta-feira, 10/05, no Auditório da Prefeitura, a confirmação de um anúncio bastante esperado. 

No encontro, que também contou com a presença de representantes da comunidade e profissionais que atuam no atendimento psicossocial do município, o prefeito Adib Elias e a secretária municipal de Saúde, Gizelda Alcântara, apresentaram a todos o neuropediatra Nelson Donizete Ferreira Júnior, especialista em tratamento de crianças e jovens autistas.

*Atendimento especializado sem custo para as famílias*

O neuropediatra, que atende no Hospital das Clínicas e no Centro de Referência em Autismo de Uberlândia, agora faz parte da equipe multiprofissional do CAPS Infanto-Juvenil Marcos Bueno de Catalão, situado (até o dia 17 de maio) na  Rua Elias Democh, 344, bairro Mãe de Deus. A partir do dia 20 de maio, a unidade terá novo endereço: passará a funcionar no antigo Centro de Pediatria, Praça Emanoel dos Santos Batista, 40, Vila União.

Não temos notícia que nos grandes centros urbanos, as famílias com autistas podem contar com uma especialidade tão rara, e o melhor, sem custo para os moradores de Catalão”, disse Adib Elias.  

*Reforço na equipe multiprofissional*

Além do Dr. Nelson Donizete, outros profissionais, recém contratados pela Prefeitura de Catalão, como fisioterapêutas, psicólogas, nutróloga, nutricionista, educador físico e outros, chegaram para reforçar a equipe do CAPS Infanto-Juvenil.

Com a chegada do Dr. Nelson Donizete, passaremos a contar com a realização de consultas e tratamentos relacionados ao espectro autista de forma integral, tudo dentro do CAPS. A vinda deste profissional contribuirá bastante para nossas intervenções multiprofissionais; é um grande ganho para toda população e muito esperada pelas famílias que têm um filho autista”, disse Jéssica Luciano, psicóloga, coordenadora do CAPS Infanto-Juvenil Marcos Bueno. 

*Sobre o CAPS Infanto-Juvenil Marcos Bueno*

É um serviço público de saúde mental infanto-juvenil mantido, desde 2008, pela Prefeitura de Catalão, por meio da Secretaria Municipal de Saúde. Atualmente a unidade atende 420 pacientes ativos, destes 60% são autistas. Atua no atendimento individual e em grupo, promovendo oficinas em diversas especialidades.

SECOM | Prefeitura de Catalão 

0 comentario
0

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário