Início » Sindicato Rural de Catalão é convidado para assumir papel de coordenador entre Regional de Educação e Agricultores Familiares do município

Sindicato Rural de Catalão é convidado para assumir papel de coordenador entre Regional de Educação e Agricultores Familiares do município

de Antônio Paulino
866 visitas

Sindicato Rural de Catalão e Coordenação Regional de Educação formularam uma parceria buscando ajudar os pequenos agricultores da região a colocar seus produtos na cantina das escolas, com a garantia de boa qualidade, bons preços e pagamento em dia. O presidente do Sindicato, Renato Ribeiro, conta que foi procurado para fazer a ponte entre os produtores de Agricultura Familiar, que estavam encontrando dificuldade para concretizar essa negociação.

O Sindicato colocou uma equipe de funcionários seus para tornar essa prática viável e assim está acontecendo. Ao contrário do que muitos podem pensar, o Sindicato é composto, principalmente, por pequenos produtores que já são, há muitos anos, filiados e conhecem a seriedade e compromisso que a entidade tem com relação aos seus membros e trabalha continuamente por esse segmento.

Renato lembra que esse programa de parceira entre os produtores e as escolas já existe há algum tempo e não estava funcionando a contento por falta de uma coordenação mais articulada, e foi aí que surgiu esse convite para que o Sindicato assumisse esse papel. Valéria Camargo, Assessora da Coordenação Regional de Educação, conta que 30% da verba federal destinada à merenda escolar deve ser gasta com a Agricultura Familiar do município.

Ela diz que havia um número muito pequeno de Agricultores Familiares envolvidos nesse processo e, sendo assim, era preciso estimular essa classe a participar do programa. Muitos, diz a Assessora, acreditavam que era um processo burocrático e difícil, e por isso grande parte não se animava a fornecer alimentos para a merenda escolar. Essa reunião com os Agricultores familiares realizada no Sindicato Rural nesta segunda-feira, teve como objetivo explicar e mostrar a eles que não nada tão difícil e vale a pena fornecer alimentos para o programa do governo federal.

0 comentario
0

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário